jusbrasil.com.br
16 de Setembro de 2019
    Adicione tópicos

    Rosa Weber quer que Executivo explique corte no orçamento

    A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), pediu nesta quarta (11) informações à presidência da República sobre o corte na proposta de orçamento do Judiciário para 2015, segundo notícia publicada no site Congresso em Foco.

    O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, entrou com mandado de segurança no dia 5 de setembro para obrigar o Executivo a incluir a proposta do Judiciário no Orçamento da União para 2015.

    De acordo com o Congresso em Foco, a proposta contempla o aumento do subsídio para os magistrados, que passaria de R$ 29.462 para R$ 35.919, e a recomposição salarial dos servidores.

    A Advocacia-Geral da União (AGU), que representa a presidência, tem dez dias para se manifestar no mandado de segurança, diz o site.

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)